Doutor E-commerce

Início » Como vender serviços pela internet?

Como vender serviços pela internet?

Como vender serviços pela internet? Será que dá certo?

Te respondemos que sim.

Ao pensarmos em iniciar uma venda pela internet, a primeira coisa que vem em nossas mentes são produtos físicos, os quais a compra é feita pelo site e em algum tempo ele é entregue à casa do cliente.

Contudo, o horizonte do das vendas online se estendem a muito mais do que isso.

O e-commerce de serviço é tudo aquilo que não é tangível, produtizado. Não há o recebimento de algo físico. Ou seja, a prestação de algo.

 

Como vender serviços pela internet?

 

Parece complicado e não muito viável, mas a venda de serviços online está mais presente do que acreditamos.

Aluguel de carros pela internet, compra de passagens de avião, ônibus, reservas de hotel e o uber são vendas de serviço online, são e-commerces de serviço.

Funciona como vender qualquer tipo de produto pela internet. Você planeja, monta o site, cadastra e disponibiliza o serviço e pronto.

A diferença é que não há gastos estoque, mas sua loja precisa ter a estrutura para aguentar determinada quantidade de clientes; ou gastos com frete, pois quem se dirige até o estabelecimento é o próprio cliente, a não ser que sejam serviços que possam ser feitos online como uma consultoria, por exemplo.

Seja um atendimento, seja uma consulta, seja um advogado, uma manicure e assim por diante. O serviço funciona e, por sinal, funciona bem.

 

Por que funciona?

De certa forma, a concorrência online é menor e a conversão de leads, pessoas interessadas em efetivarem de fato o serviço, tem uma taxa maior do que o e-commerce tradicional.

Um exemplo disso, é o próprio site da Doutor e-commerce. Temos uma página de venda de pequenos pacotes da consultoria e existem pessoas que compram.

Temos, basicamente, sete etapas que trabalhamos no futuro cliente da consultoria.

 

- Conteúdo

O possível cliente faz pesquisas referentes à dores / problemas que gostaria de resolver.

 

- Solução

E então, nós oferecemos um serviço que seja capaz de solucionar o problema em questão

 

- Contato

Assim, o futuro cliente entra em contato conosco para buscar mais informações.

 

- Resposta

O contato é feito em até, no máximo, 24hrs depois da solicitação do cliente.

 

- Proposta

Aqui, enviamos um email para o futuro cliente com a proposta, que deve ser enviado em até 15min depois da conversa.

 

- Retorno

Depois de 2 dias, há o retorno

 

- Assinatura

E concluímos com a assinatura da proposta.

 

Trabalhamos nessa sequencia, justamente para aproveitar o quão quente está aquele lead, pois serviços é algo que você pensa um pouco mais, que você delibera mais antes de fazer a contratação.

A não ser que a dor já o acompanhe a algum tempo, nesse caso o tempo de conversão e a necessidade são maiores.

Trabalhando dessa forma, chegamos a uma taxa de 20 – 30% de conversão de todos os leads que recebemos.

Não é porque é um serviço, que carrinhos são abandonados, pois as pessoas tendem a refletir mais nesses casos. Por isso, o tempo de resposta é crucial.

Não esqueça de capturar telefones ou e-mails e manter-se em contato com o futuro cliente.

 

Leia mais sobre 16 dicas de recuperação de carrinho por email.

 

Vender serviços

 

Ao pensarmos em comercializar algo, principalmente na internet, o que vem à mente são produtos físicos, materiais que possamos vender.

Todos os dados de faturamento de e-commerce brasileiro não entram serviço. Ou seja, nos 50, 60 milhões de reais que o e-commerce brasileiro fatura em um ano, não entram dados de compra de passagens aéreas, compra de ingresso de shows, reservas de hotel, aplicativos e muito mais.

O volume transacionado dentro de serviços é enorme, hoje em dia.

 

Aluguel de carro, bicicleta, motorista por aplicativo, nenhum desses entra na conta. O potencial é muito alto.

 

 

E, infelizmente não temos números que possam nos dar uma ideia da quantidade do valor que é movimentado nesse setor de serviços. Não sabemos a quantidade de reservas de hotéis que foram feitas ou sequer o número de serviços de motoristas que foram pedidos.

São formas de se trabalhar e é uma viabilidade. Hoje, qualquer serviço é possível colocar em um e-commerce.

 

Como fazer isso?

No final das contas, a prestação de serviço é cara a cara, mas você não entrega um produto ao cliente. O que você entrega é o serviço, é o seu tempo disponível para executar aquele serviço.

No caso como aqui, do serviço da Consultoria no qual realmente não é nada físico como aluguel de carro ou serviço de manicure, é preciso pensar em quanto vale o seu tempo e puxar todo seu “histórico”, toda sua experiência para fazer a cobrança desse valor.

 

Seja pelos serviços já feitos, pelo material já produzido e projetos concluídos.

E não tenha medo de fazer reajustes se necessário! Estabelecer um preço que faça sentido tanto para você quanto para o cliente é o segredo da venda de serviços.

Pois, caso o preço seja muito alto, você acaba inviabilizando novas vendas, novas conversões e sua rama de clientes vão decaindo.

 

E preços absurdamente baixos não valorizam você como profissional, além de desestabilizar o mercado em que você atua, prostituindo seus serviços.

Produtize seus serviços.

Quantifique seu tempo e transforme-os em produtos tangíveis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *