Doutor E-commerce

Início » Saiba como ajustar o frete de seu e-commerce

Saiba como ajustar o frete de seu e-commerce

Engana-se quem pensa que cuidar de um e-commerce é tarefa simples. O funcionamento de uma loja virtual requer manutenções e atualizações crescentes. Um empreendedor digital precisa estar atento ao seu estoque, aos preços da concorrência, à qualidade do atendimento e, por último, mas não menos importante, ao frete.

É necessário ter cuidado no momento de atualizar as tabelas de frete de sua empresa, principalmente quanto se utiliza mais de um tipo de serviço de entrega.  Esse processo depende de diversos fatores, como reajustes de preços, regiões atendidas pelo e-commerce, prazos de entrega e condições das próprias transportadoras. Mas, enfim, como fazer para não correr o risco de errar?

- Fique de olho no reajuste de preços

O preço do serviço das transportadoras é reajustado a cada ano, geralmente em meados de março ou abril. É importante que o lojista fique atento a essas taxas durante esse período, pedindo às transportadoras que enviem uma nova tabela de frete antecipada, para que exista tempo de atualizar os valores. É interessante disponibilizar as novas tabelas antecipadamente na loja virtual, para que os clientes consigam pesquisar e comparar.

- Considere as novas localidades

Outra mudança comum às transportadoras está em suas zonas de atuação, que também devem ser atualizadas. O lojista precisa verificar se novas faixas de CEP terão de ser inseridas nas tabelas anteriores. No caso dos Correios, por exemplo, essa atualização acontece mais de uma vez por ano, portanto, é importante se atentar aos casos específicos, de acordo com os serviços contratados por sua empresa.

- Atente-se aos prazos de entrega

Nesse caso, as tabelas devem ser modificadas em tempo real – quase que diariamente. A informação a respeito de prazos de entrega é muito importante para o consumidor, constituindo até em um dos fatores que levam à compra, por isso é preciso ter cautela. Datas equivocadas podem se transformar em diversas reclamações via SAC ou redes sociais, prejudicando a reputação de sua loja.

Preste atenção às particularidades de sua loja e bom trabalho!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *